BACHARELADO

JORNALISMO

O futuro profissional estará apto para produzir notícias, informações jornalísticas e conteúdo em geral para as mais diversas mídias, a fazer uma leitura crítica da realidade, bem como estará qualificado para fomentar e ser mediador de diálogo entre as mais diversas visões da realidade e instâncias da sociedade, tudo em vista da construção da cidadania, do bem comum e de uma sociedade mais democrática, justa e fraterna.

  • Duração (mínima/máxima): 04 a 08 anos.
  • Situação Legal: Autorizado pela Portaria nº 212, do Ministério da Educação, publicada em 28/03/14.
  • Regime Escolar: Seriado semestral.
  • Turno: Noite (1ª entrada) / Manhã (2ª entrada).

DIFERENCIAIS

Programa de Imersão em Práticas Jornalísticas, desenvolvido pelo Bacharelado em Jornalismo, em parceria com a Secretaria Executiva de Imprensa e Comunicação da Prefeitura de Caruaru, pretende possibilitar o aprofundamento dos saberes sobre rotinas de trabalho no âmbito jornalístico. Paralelamente, construir novos conhecimentos e, claro, contribuir com o aperfeiçoamento das práticas existentes no mercado.

SOBRE O CURSO

O Curso de Bacharelado em Jornalismo da Asces-Unita reforça o compromisso institucional em dedicar-se a formar profissionais responsáveis social e eticamente e competentes para contribuir com o crescimento da região. Aprofunda a teoria e a prática do jornalismo local, que contribui para o exercício da cidadania por parte de sua população, para um maior desenvolvimento social da região.

O jornalista é um profissional multitarefas que se utiliza de recursos multimídia e de tecnologias da informação para planejar e produzir materiais gráficos, eletrônicos e on-line dirigidos à mídia. Atua em veículos de comunicação jornalística impressos e eletrônicos (web, rádio e TV);  em assessorias de imprensa e comunicação em empresas públicas, privadas e do terceiro setor; em agências de notícias e de clipping; produtoras de rádios, vídeo e TV; na gestão de projetos e de empresas, desenvolvendo pesquisas de comunicação; em investigações científicas e no ensino superior na área da comunicação; além de estar apto a criar o seu próprio empreendimento na área.

Forma com qualificação o jornalista para as suas multitarefas, com solidez nas humanidades, com conhecimento das tecnológicas e na realização jornalística. Busca inserir o profissional no mercado além dos veículos tradicionais, numa abordagem ao cooperativismo, ao empreendedorismo e/ou outras formas remuneradas de exercício da profissão.

O curso se fundamenta no ensino-aprendizagem pela interdisciplinaridade e estimula o desenvolvimento científico. Além de aulas expositivas e práticas em laboratórios (informática, fotografia, rádio e TV), realiza exercícios constante, ao longo do curso, de elaboração de textos para as diferentes mídias - essencial para a profissão. Oferece ainda livros de referência à disposição na biblioteca e links no site institucional para banco de dados com material atualizado. Para formação geral, promove atividades de extensão como simpósios, conferências, seminários, palestras, oficinas etc.

Desta forma, o estudante de jornalismo da Asces-Unita levará em sua bagagem a formação sólida de um profissional versátil, porém com uma visão mais atenta, um olhar mais crítico diante da comunidade, do cidadão; ciente de sua responsabilidade perante a sociedade democrática.

O Laboratório de Práticas e Estudos em Jornalismo (Lapej) é um espaço de troca de ideias, discussões, debates, estudos e atividades práticas do bacharelado em Jornalismo. Funciona desde 2016, e atende às necessidades do curso do ponto de vista estrutural, tecnológico, de equipamentos e de quantidade de insumos disponíveis.

O laboratório presta serviços de apoio também às atividades institucionais e de outros cursos como registros de visitas técnicas, documentação e veiculação de atividades. É dividido em cinco ambientes: uma recepção, um espaço para reuniões e aulas, um estúdio de rádio, uma mini redação, e uma sala para guardar os equipamentos.

A cada semestre o Lapej promove oficinas e o Cine em Debate além de outras realizações que buscam contribuir com a formação dos estudantes de Jornalismo. Além da supervisão para organizar e gerir a dinâmica do ambiente, disponibiliza de um técnico que dá suporte às práticas e a manutenção dos equipamentos, e conta com o apoio de um bolsista.


Projetos de Extensão

∎ 1º. Entre-Fatos com Prof. Vanuccio Pimentel

II Conferência de Cultura, Identidade e Estética na Imagem

A II Conferência de Cultura, Identidade e Estética na Imagem tem como tema Culturas Urbanas. Abre espaço para o diálogo sobre as culturas urbanas, a estética presente nos diferentes produtos jornalísticos e o registro de imagens sobre a temática (com ênfase na fotografia e nas linguagens audiovisuais).

 

 


Através da disciplina de Tecnologias da Informação e Comunicação (TIC's) estudantes desenvolvem produções como:
- O blog Vendo Sonhos  visa explorar um tema delicado e que sempre foi alvo de apedrejamentos: a prostituição.  
- O blog Dezconstruindo trata de temas relacionados com a Intolerância: 

Trabalhos submetidos na Intercom:

Jornal Laboratório


Produções Fotográficas


Culturas Urbanas 2018.2

  • Plataforma construída com conteúdos elaborados por estudantes do 2º, 4º, 6º e 8º período de Jornalismo do semestre 2018.2 - Acessar

Simpósio de Jornalismo e Ciência Política

 

O Simpósio de Jornalismo e Ciência Política é um evento científico-acadêmico e mercadológico que proporciona a interdisciplinaridade de conhecimentos. Acontece anualmente desde 2016, quando abordou o tema “Mídia, política e ideologia”, em 2017 retratou sobre "Mídia e regimes autoritários" e em 2018 trouxe a temática de "Mídia, Política e Pós-Verdade".

DOCENTES DO CURSO DE BACHARELADO EM JORNALISMO

Coordenação: Professora Cristina Vila Nova

NOMETITULAÇÃOREGIMEDISCIPLINASEXPERIÊNCIA DOCENTE SUPERIOR (anos)EXPERIÊNCIA PROFISSIONAL
Cristina Vila Nova de Vasconcelos http://lattes.cnpq.br/9644093759044402Mestre em Ciência da Informação Graduada em Comunicação Social- Jornalismo e em Comunicação Social- RadialismoParcialTópicos Especiais6 anosExperiência em radiojornalismo
como produtora, repórter e
gestora, além de documentários
radiofônicos; produção para
programas de televisão,
conteúdo para rádios comunitárias
e assessoria de comunicação
e imprensa, principalmente,
em formatos para internet.
É coordenadora do
curso de Jornalismo da Asces-Unita.
Diogenes José Pereira Barbosa http://lattes.cnpq.br/0206745480197766Mestre profissional em Indústrias Criativas Especialização em Docência no Ensino Superior
Graduado em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo
HoristaCobertura Jornalística Especializada9 anosAcumula experiências
como produtor,
repórter, fotojornalista
e editor, em jornais, revistas,
portais de notícias, rádios
e assessorias de imprensa
(locais e nacionais).
Hannah Miranda Morais http://lattes.cnpq.br/3684640256536006Mestre em Administração Graduada em Design e Administração com ênfase em marketing de modaParcial-5 anosExperiência profissional em gestão de marketing, gestão de marca de moda, treinamento de equipes. Atualmente atua como instrutora convidado para treinamento e palestrante em consultorias.
Lucas Tavares Galindo Filho http://lattes.cnpq.br/6532385332965132Mestre em Sociologia com ênfase em Metodologia da Pesquisa Científica Graduado em Ciências: Licenciatura PlenaParcial-13 anosÉ membro do Corpo Editorial da REALIS Revista de Estudos AntiUtilitaristas e PosColoniais no CFCH Centro de Filosofia e Ciências Humanas da UFPE Universidade Federal de Pernambuco, publicou em 2018 uma obra autoral pela Editora Universitária da UFPE. É membro do Instituto de Estudos Avançados IEA do Centro Universitário ASCES UNITA e da NetWork Mundial Social-ONE de Sociologia e Ciências Sociais, e contemporaneamente é Colaborador Permanente de New Humanity, ONG com Status Consultivo Geral no ECOSOC / ONU e partner oficial das Nações Unidas e da UNESCO.
Marconi Aurélio e Silva http://lattes.cnpq.br/9355237337761261Doutorado em Ciência Política
Mestrado em Ciência Política Graduação em Comunicação Social - Habilitação em Jornalismo
Horista-16 anosÉ professor adjunto III do Centro Universitário Tabosa de Almeida (ASCES-UNITA), onde já coordenou o Bacharelado em Relações Internacionais, entre os anos 2015 e 2019. É monitor do PEIEX - Programa de Qualificação às Exportações (APEX BRASIL / SENAC PE), além de colunista de Política na Rádio CBN Caruaru. Desenvolveu projetos e pesquisas junto a: IEA USP; GLOBELICS / REDESIST / BNDES / UFRJ; PNUD BRASIL; AMUPE; IPEA; PETROBRAS; FACEPE; CNPq; e, CAPES. Atualmente, é pesquisador de: Instituto de Estudos Avançados (IEA / ASCES-UNITA); Centro Chiara Lubich (Itália); e, Instituto Ásia (UFPE); além de dirigir a Lelo Conteúdos Inteligentes.

Atualizado em 29/07/2022

 

VALOR DO SEMESTRE (R$)R$ 6.985,30
Nº DE PARCELAS  06
PARCELA MENSAL (R$)R$ 1.164,22
PARCELA MENSAL (R$) Pagtº antecipado até o dia 25 desc. de 5%R$ 1.106,01
PARCELA MENSAL (R$) Pagtº antecipado até o dia 15 desc. de 10%R$ 1.047,80
PARCELA MENSAL (R$) Pagtº antecipado até o dia 05 desc. de 15%R$ 989,58

O Centro Universitário Tabosa de Almeida (Asces-Unita) é referência na qualidade de ensino em nossa região. Essa marca nos seus 63 anos de existência, foi construída com muito trabalho, compromisso e responsabilidade, dentro de uma perspectiva de desenvolvimento institucional sincronizada com as necessidades e demandas da região. 

Nossos cursos de graduação são presenciais e organizam suas propostas pedagógicas em consonância com as Diretrizes Curriculares Nacionais visando sempre a formação de um profissional cuja capacitação científica, tecnológica, ética e humanista assegure envolvimento, comprometimento e efetiva contribuição para o desenvolvimento da sociedade. 

Cada curso adota métodos e práticas de ensino-aprendizagem que melhor se adequem à formação do estudante na sua área de conhecimento, oportunizando uma aprendizagem significativa, criativa, autogerida, colaborativa e crítica em relação ao conhecimento e à sua aplicabilidade prática. Dessa forma, os professores assumem a(s) metodologia(s) escolhida(s) pelos cursos e organizam suas aulas, atividades e avaliações norteados por esses princípios metodológicos e adotam técnicas adequadas para sua aplicação. 

Em que pese a natureza presencial de seus cursos, vinculada às atividades vivenciadas pelos seus estudantes nos espaços de sala de aula - bibliotecas, laboratórios, clínicas e escritórios - a Asces-Unita entende que, na era digital, as formas pelas quais o conhecimento é construído passam também pelo domínio e fluência de uso das Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC) aplicadas ao ensino e aprendizagem.

O processo de digitalização do ensino, tendência mais que estabelecida pós pandemia, há muito tem sido objeto de discussão e implantação na Instituição: desde 2007 que há na Asces-Unita experiências com o ensino digital na busca de ofertar e incrementar, nas suas dinâmicas curriculares, competências e habilidades ligadas ao mundo virtual.

Cumprindo estritamente os requisitos estabelecidos na Portaria 2117 de 06 de dezembro de 2019, do Ministério da Educação, a Instituição oferta a seus estudantes a experiência de aprendizagem através das TIC – Tecnologias de Informação e Comunicação, com vistas à integralização do processo de construção do conhecimento através das plataformas digitais de ensino. Contudo, como é característico de seu jeito de ensinar e aprender, a Asces-Unita criou seu modelo e personalizou sua prática de ensino online, baseada nas experiências acumuladas desde 2007.

Sejam as aulas presenciais ou virtuais, nossos professores produzem conteúdos, aulas e atividades buscando adequação e contextualização dos temas, além de trabalhar competências e habilidades necessárias à inserção local do estudante no mercado de trabalho, sem perder de vista as generalidades do conhecimento.

Na Asces-Unita, o professor produz os conteúdos e acompanha diretamente seus estudantes através das ferramentas digitais de comunicação das TIC, permitindo a personalização da aprendizagem e a adequação de conteúdos e atividades aos perfis de estudantes e de turmas, além de uma atualização contínua e imediata de temas e assuntos tratados nas disciplinas.

As práticas de ensino são fundamentadas no uso de Metodologias Ativas, perspectiva pedagógica que desloca o estudante da condição passiva de mero espectador e recebedor de informações e o coloca como centro e gestor da construção do seu conhecimento, dotando-o de autonomia ao mesmo tempo em que constrói as competências e habilidades necessárias para sua área de formação e em sintonia com as exigências do mercado de trabalho. 

A avaliação do desempenho dos estudantes nos cursos segue também a lógica das Metodologias Ativas: as atividades avaliativas são desenhadas e pensadas como processos de construção e desenvolvimento de habilidades, competências e atitudes frente a situações de aplicabilidade do conhecimento, valendo-se da simulação ou da vivência real de situações, bem como o dos recursos e ferramentas digitais para simular e virtualizar experiências reais, incluindo as provas e exames aos quais o estudante formado irá se submeter para qualificar e/ou exercer sua profissão. Nas salas de aula físicas ou no Ambiente Virtual de Aprendizagem, o estudante vivencia experiências de complexidade progressiva e é avaliado continuamente com vistas ao desenvolvimento/aperfeiçoamento das competências.

O estudante conta ainda com suporte e treinamento tecnológico para o melhor aproveitamento nas plataformas utilizadas no processo educacional, pacote completo de aplicativos da Microsoft e as ferramentas do Google For Education, todas elas aplicadas e integradas com as disciplinas online e presenciais, oferecendo ao estudante Asces-Unita uma formação completa e uma experiência de aprendizagem significativa e personalizada.

O jeito Asces-Unita de ensinar engloba diferentes metodologias de ensino, acompanha o estudante em seu dia a dia, quer com aulas presenciais, quer com aulas on-line, em qualquer lugar onde o estudante se permitir estudar. 

Bem-vindos!

 

Preencha o formulário ao lado para receber conteúdos dedicados ao curso.